23/4/2021 –

Ao que tudo indica, o funk caminha para o ritmo favorito dos brasileiros. Pensando nisso, Luiz Carlos, conhecido como Luizinho da Bacia, criou um canal no YouTube que disponibiliza sucessos antigos

Com a quarentena, medida de contenção do novo Coronavírus, as opções de lazer foram reduzidas. O tempo em casa se estendeu e a música se fez presente em muitos lares. Mas engana-se aquele que entende que a mesma só ocupou o cotidiano do brasileiro a partir deste momento: o apreço pela música já era uma realidade antes mesmo do “novo normal”. O Spotify, plataforma de streaming, registrou 286 milhões de assinantes no primeiro trimestre de 2020, com crescimento de 31% em comparação ao ano anterior, de acordo com dados da própria plataforma. 

Outro levantamento interno do Spotify também chamou a atenção. Desta vez, relacionado aos gêneros mais consumidos. Entre os favoritos, está o funk. Desde o ano de 2014, o ritmo musical cresce ao menos 51%.

Os funks brasileiros, inclusive, fazem sucesso não só no país, como também no exterior: entre os anos de 2016 e 2018, o consumo de playlists de funk brasileiro cresceu 4.694%. O ritmo está entre as 200 músicas mais ouvidas em 51 países, com maior número de ouvintes nos Estados Unidos, Portugal e Argentina, ainda citando o Spotify.

Sucessos antigos

Até então, o sertanejo era o ritmo mais ouvido no Brasil, de acordo com pesquisa conduzida pela Leiva Cultura & Esporte, sendo preferência de 37% da população. A pesquisa, que elencou os principais gêneros, nem mesmo citava o funk como opção. Ainda assim, 55% dos entrevistados o citaram de forma espontânea. 

Diante da movimentação em torno do funk, Luiz Carlos, conhecido como Luizinho da Bacia, Mc e Youtuber desde 2009, decidiu criar um novo canal no YouTube, com intuito de disponibilizar hits antigos. Entre eles, estão “Lágrimas” e “Diretoria”. “O funk evoluiu muito nos últimos anos. O ritmo enfrentou o preconceito e, hoje, a cultura abraça e reconhece o estilo musical”, diz.

De qualquer forma, o Youtuber entende que nem sempre foi assim. Considerando que antes os funks não tinham tanto alcance e aceitação como têm hoje, Luizinho da Bacia entendeu que era importante compartilhar sucessos dos anos 2000. “O intuito dessa divulgação é levar o funk mais longe. Essa visibilidade é importante para que todos possam conhecer o estilo e sua trajetória. É bastante interessante comparar uma música de dez anos atrás com um sucesso atual, afinal, muitas características continuam presentes”, finaliza. 

Por fim, Luiz declara que escolheu o YouTube como canal de divulgação pois entende que a plataforma é um ótimo lugar para fazer isso: a rede é um dos sites mais acessados do mundo, com 5 bilhões de visitas diárias, de acordo com dados internos. O canal de Luiz já conta com mais de 28 mil inscritos.

Para saber mais sobre Luizinho da Bacia e suas músicas, basta acessar: 

https://m.youtube.com/c/luizinhodabacia

https://www.instagram.com/luizinho_da_bacia/

Website: https://m.youtube.com/c/luizinhodabacia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui